O tempo não pára

quarta-feira, outubro 03, 2012


Caem dos olhos sem explicação
Aliviam meu corpo, lavam minha alma
È vontade de mudar, sair
Só não quero te fazer sofrer
Te deixar só aqui
Sem pesos , sem magoas
Quero me encontrar, ser feliz
Terei de voltar pra poder seguir
A vida sempre brinca com a gente
As vezes questão de ponto de vista
Nos faz procurar longe o que esta tão perto
Mostra ser real o que é incerto
Só não da pra parar
O tempo não para, você envelhece
Sorrindo ou chorando
Amando ou não, tudo vai passando
Sem esperar você ou eu

Só hoje!

quarta-feira, setembro 26, 2012

Parei um pouco pra pensar nessa tarde fria, sozinho...
Ouvindo Tulipa Ruiz, bate uma vontade doida de escrever, ler, desenhar... é como se eu, um eu dentro de mim quisesse correr e dançar pela casa, cantando pela felicidade de estar vivo, feliz por ter amigos.
Horas assim meio saudosista, a conversa ótima como sempre durou boa parte da madrugada e afastou meu sono e nem por isso acordei "dormindo".
As vezes acho que o bichinho chamado amor me mordeu, mas não!
Não to triste, mas um pouco carente eu acho,pensando nas horas de conversas com meus amigos de verdade, Amigos... Ah...nessa minha visão reconhecidamente meio ingenua da vida acredito que qualquer pessoa com quem você tenha certo contato, mesmo que não fisico, é um amigo até que ele mostre o contrario. Meu fantastico mundo onde tudo é azul.
Minha playlist passeando entre novas cantoras da MPB, Gadu cantando 'Ne me quitte pas'.
Cantamos em duetos doidos, mas , enfim... è o que eu tenho para essa tarde até que eu tome coragem e vá a locadora buscar um filme que me faça rir .

"Venha sem chão, me ensina a solidão de ser só dois. Depois te levo pra casa eo teu laranja aqui bem faz ficar mais..." Maria Gadú - Laranja

Meme: Conplete as frases

quinta-feira, setembro 20, 2012

Estou apaixonado com essa interação blogueira, "Posts coletivos" e tal. Agora a onda internauta são os "Meme's".A Camila do blog Espaço da Mila deixou o convite e eu aproveitei para entrar nessa também.
As regras são as seguintes:

• Completar todas as frases.
• Repassar o meme para 5 pessoas e avisá-las sobre.
• Ao repassar as frases você pode optar por manter as mesmas ou inventar outras.

Sou muito  sonhador
Eu não suporto Mentira, falsidade...
Eu nunca andei de avião
Eu já  pesei 40kg menos
Quando criança
eu queria crescer logo
Neste exato momento, eu queria mesmo
era poder voltar a ser criança
Eu morro de medo 
do fim do mundo, confesso que do escuro um pouco =D
Eu sempre
durmo tarde, não consigo dormir cedo
Se eu pudesse 
eu mudaria o modo de pensar de muita gente, afim de mudar o mundo
Fico feliz quando 
estou com meus sobrinhos, minha familia
Se pudesse voltar no tempo 
  eu ficaria por la, não sei se mudaria algo
Adoro assistir 
filmes (comédia, ação, suspense), alguns desenhos tipo "Os simpsons", Tapas & beijos...
Quero aprender
a cozinhar, ser mais organizado
Gosto de comer   tudo que não devia, lasanha, nhoque, McLanche's e afins
Meu vicio  musica, internet
Eu preciso
  de dinheiro, isso me resolveria muita coisa
Não gosto muito de
festas, badalação...



 Bom, chegada a hora de indicar os blogs para fazerem o mesmo, mas como conheço poucos e como a Camila , não sei quem ja perticipou, deixarei em aberto.  



Imagem do topo foi "roubada" do blog: Boneca de Pano

A Arte

segunda-feira, setembro 17, 2012

Essa semana tenho estado meio... sensível
É estranho falar assim, mas me bateu umas repentinas vontades de pintar, desenhar e até escrever.
Acho que essa semana foi a semana em que mais fiz postagens espontâneas, é que as primeiras postagens eram mais frequentes porque eu já tinha escrito muita coisa então foram agendadas.
Então me passou agora pela cabeça que sou apaixonado por artes... acho incrível essa capacidade de comover-se com uma tela, um poema, uma escultura... Isso vai te levar a um questionamento natural e entendimento particular daquela obra.
Arte é uma palavra do latim que significa "técnica e/ou habilidade", segundo o site Wikipédia "manifestações de ordem estética ou comunicativa, realizada a partir da percepção, das emoções e das ideias, com o objetivo de estimular essas instâncias da consciência e dando um significado único e diferente para cada obra.".
Estimulado por um post da Ana Luiza do blog "Cherries and Blueberries" resolvi me aventurar num auto retrato em grafite e sulfite,  =D  . Tinta a óleo em sulfite (foi só um teste)... eis os resultados:

                                                             Tela com tinta feita com cola, bem infantil =D

                                                    Tinta a óleo no sulfite (teste)  

                                                         Um auto-retrato com grafite (1º tentativa)


Por opção

sábado, setembro 15, 2012

Na sala, sozinho
Roncos, ruídos noturnos
Tarde assim o celular sem som
Vibra pedindo atenção
A teve parece cada vez mais barulhenta
Os jornais repetem as noticias
Já não tenho paciência pra isso
Se não fosse o pouco de sono que sinto agora
Talvez eu fosse pra fora
Estou com o mundo na palma das mãos
Minha vontade era um rádio
Buscaria aquela estação...
Talvez na esperança de ouvir uma canção
Capaz de me tirar desse sofá
e não me levar tão longe
Me contento com minha cama
Esqueci por um instante
que o fim de semana se aproxima
Que é dia de dormir mais tarde
Permitir-se mais algumas doses de tequila
Mas não pra mim. Assim como essa noite
Quero uma manhã tranquila
Nada de especial, apenas por opção
Acho que chegou a hora
D'eu me entregar ao sono
 

Acelerou

sexta-feira, setembro 14, 2012

Ando tão perdido em meus pensamentos
Longe já se vão os meus dias de paz
Hoje com a lua clara brilhando
Vejo que o que sinto por ti é mais
Quando te vi, aquilo era quase o amor
Você me acelerou, acelerou, me deixou desigual
Chegou pra mim, me deu um daqueles sinais
Depois desacelerou e eu fiquei muito mais
Sempre esperarei por ti, chegue quando
Sonho em teus braços dormir, desçansar
Venha e a vida pra você será boa
Cedo que é pra gente se amar a mais
Quando te vi, aquilo era quase o amor
Você me acelerou, acelerou, me deixou desigual
Chegou pra mim, me deu um daqueles sinais
Depois desacelerou e eu fiquei muito mais
Muito mais perdido, quase um cara vencido
À mercê de amigo ou coisa que o valha
Você me enlouquece, você bem que merece
'inda me aparece de minissaia
Sério, o que eu vou fazer, eu te amo
Nada do que é você em mim se desfaz
Mesmo sem saber o teu sobrenome
Creio que te amar é pra sempre mais

Djavan

Amor Platônico

Amor... esse sentimento me enlouquece
Eu acho dificil identificar.
Como saber se realmente é amor ou uma paixão?
Descoberto esse amor, como saber qual a natureza dele? tipo... como você sabe se não é amizade?
Eu nunca sei, ja confundi varias vezes.
Tenho amigos que ja disseram preferir um amor platônico.
Na verdade uma só, mas com razões que me convenceram . Entre as razões estava, sem cobranças, ciúmes e traição... Mas é frio, não tem conversa, carinho. Bom, ela namorava o Tobey Maguire, mais conhecido como Homem-Aranha (do filme 1,2 e 3).
Eu nunca fui menos louco, não sei se amizade é uma coisa tão séria pra mim que acabo me apaixonando ou, sei la! Ja dizia Casimiro de Abreu "Simpatia é quase amor".
Na verdade essas maneiras de amor nada tem a ver com o verdadeiro amor na visão de Platão, o "Amor Platônico". Platão não via nada de fulgaz no amor, o amor não teria interesses mesmo que sexuais, é apenas a pessoa com seus defeitos e qualidades.
Não sei até que ponto eu não envolvo esse "interesse sexual".
Como Vanessa da Mata eu diria :"Amanhã eu não quero confundir
Atração sexual com ilusões de amor puro, com ilusões de amor..."
Tem horas que na verdade a unica coisa que eu sei, é que eu não sei de nada
E de verdade, nesse meu momento filosófico/apaixonado/confuso meu tema seria "Feel The Same Way I Do"

Sobre o amor.

quinta-feira, setembro 13, 2012

O que se sabe sobre o amor?
É uma coisa a se pensar, coisas absurdas são feitas em nome do "amor".
Não vou negar que pelo meu primeiro amor eu brigaria. Sempre sonhei em ser o príncipe de alguém, sempre fui romântico demais.
Uma vez pensando comigo mesmo, ainda novo, quase ainda uma criança, me peguei cansado de tentar amar, de correr atrás de quem não me via como eu queria. Por ser bonzinho, eu era feito de bobo... Uma faísca de esperança antecipava o balde d'água. Esperançoso vivia molhado.
Decidi por mim que não correria atrás, pois assim eu poderia mostrar que era amor de verdade, se pudesse vê-la feliz, porque mesmo não tendo ela junto a mim eu a teria feliz por perto.
Vê-la feliz também me faria
Descobri ali a raiz do amor. Na sua forma mais altruísta.
Fui até onde deu, até onde havia encanto... Notei que antes e depois do amor havia amizade, no fim já sem muita esperança. A amizade me mostrou outra forma de amar onde  seu lema seria...
"Posso não te impedir de ir, mas te dou motivos pra querer voltar"...

Estranho Natural

terça-feira, setembro 11, 2012

Será que te conheço desde a infância
Será que na infância eu parti
Prum mundo imaginado por você
 Ou por você um mundo veio
 E a infância assim se foi

 Meu canto hoje dobra as tuas notas
 Me olhas como se fosse normal
Me coro ao seguir a tua rota
Meu abraço te amarrota
Meu estranho natural 

Maria Gadu

Evolução

segunda-feira, setembro 10, 2012



Sempre ilusão
cai, levanta e aprende
mas a vida segue e as adversidades continuarão
pra testar sua fé, para testar sua coragem
como é no mundo desde o principio
nossas naturezas mutantes
Sou o que não era a alguns instantes
Vamos seguindo, cescendo
Amanhã entenderei o que hoje não entendo
O tempo esconde nossas dores
Não cura, é fato
Cicatriza...
Então deixamos de lado
Não muda o tema, se foi amor ou não
Se sentiu foi verdadeiro
em duas partes, um meio inteiro
Não velarei as dores da evolução
Eu como sempre falando besteira,
 pensando bobagens e derepente lembro: 
 Não é novidade... mas é bom lembrar !

Ver você

terça-feira, setembro 04, 2012

Toda segunda-feira começa assim preguiçosa
 Levantar da cama é atitude penosa
Sem tempo justo para um bom café
Despertador quebrado, "E agora José?"
Estou atrasado, passei da hora
Esta muito frio e chove la fora
Penso então em desistir
Se não fosse o trabalho eu não ia sair
Respiro fundo, conto até dez
Impossivel fazer tudo rapido, de uma só vez
Dando tudo errado e tanto à fazer
Penso agora "O que mais me falta acontecer?"
Quando fecho a porta da rua
Eis que vejo vindo, a imagem sua
Esqueço de tudo, parou o meu mundo
Nossos olhos se encontram por um segundo
Derepente um surto de alegria
Ver você de manhã, me valeu o dia

Sem mais...

domingo, setembro 02, 2012


Não direi nada, além do que foi dito
Fique, chore, faça o que deseja
Cansei de ser brinquedo animado
Não vou mais viver por você
Nosso amor ja acabado
Mudemos nossos "status"
Não vele a perda, erga e siga
Talvez a felicidade nos ncontre na esquina
Quem sabe ela não venha na companhia de um novo amor?
Não quero hipotese, sem teses
Não sabemos da vida
Que caminhos nos aguarda
Vou buscar, aprender o que dia trouxer
Sempre novo, como o dia
Sem certezas, como a chuva
Sem reservas, vou saltar ao que ainda não vejo
Seque as lagrimas, elas não lhe deixarão ver
Se ficar aqui, é seu seu presente que vai
Ou seu futuro ...
Sera sua escolha

"Blogando"

sexta-feira, agosto 31, 2012


 

É, estou cada vez mais "blogueiro", como isso vicia.
Ontem mesmo fui dormir quase as 3 da manhã buscando uma template pro meu blog, umas não se encaixavam ao meu estilo e tals, mas ta aqui o resultado. Claro que não fui dormir tarde só por causa do blog, também, facebook que o diga...
É tanta coisa que eu quero fazer, muitas melhoras ainda por fazer nos blogs que eu gerencio (cof! cof!) Caiçara Bike e o Mordine Dicas, além do meu próprio... Tem horas que chega a dar congestionamento no cerébro porque não da pra deixar tudo com a mesma cara ja que tratam de assuntos totalmente diferentes.
Estive passeando pelo blog Volta, mundo blogueiro! e vi no que resultou as Postagens Coletivas e resultado: Achei DEMAIS. A Renata (mulher vitrola) e a Bruna  montaram uma revistinha on-line .Uma revista curta para finalizar a primeira postagem coletiva. Vale a pena conferir, a edição traz os segredos mais esquisitos revelados e com direito a premiação aos  mais "bizarros".  Mal posso esperar pela próxima.





Pela janela

terça-feira, agosto 28, 2012

Hoje eu acordei meio assim, sem saber explicar
Com uma vontade imensa de apenas ver o dia passar
Observar daqui, da janela seus tons de cinza e o azul esperança que brinca de se esconder sobre o mar.
Hoje eu acordei sozinho
Num colchão maior, numa casa silenciosa
Onde um simples passo ecoa
Com raios de luz que penetravam a janela e escapavam da cortina cinza
Já vi o dia , olhei a rua, fui a padaria.
Colhi sorrisos com o pão quentinho
Distribui "Bom dia!" enquanto pegava moedas
Acordei hoje com vontade de ontem
Lembranças passadas,com um pouco de sono e café fresco para despertar
Hoje eu acordei sem sol, vendo as nuvens carregadas passando em velocidades diversas se juntando para trazer chuva, pra molhar a terra e deixar mais verde os galhos que vejo da minha janela
Pra florir em vários tons a magica de amadurecer
Acordei com a chuva, com o vento que balança e traz os cheiros de meio dia
Traz também o frio e aumenta a falta de uma companhia


Essência Masoquista

quinta-feira, agosto 16, 2012


Não é caso isolado, conheço muita gente que parece que gosta de um pouco de dor , bom eu não me excluo dessa, como no post que fiz falando sobre o que Gosto, mas não assumo acho que isso ficou um pouco evidente.
To me matando na academia, fazendo exercícios e na boa, sei que é melhor pra minha saúde, mas se eu pudesse ter saúde (e corpão) ficando o dia inteiro com as pernas pra cima , obvia a minha escolha né?. Fico as vezes só analisando as pessoas e suas condutas tipo  a espiada na esteira daquela(e) que tem um corpo legal pra tentar fazer igual. Acho que a parcela de pessoas que não são masoquistas gostam de ser iludidas, o que gera sofrimento por expectativas e frustrações, talvez por isso fazem tanto sucesso essas porcarias de "polishops" da vida que prometem resultados milagrosos por apenas algumas parcelas de R$29,90, R$19,90 e por ai vai... a única coisa que você precisa fazer é "ligar e recebe inteiramente de graça" um aparelho que vai te dar o corpo da Giselle Bunchen ou uma Beyoncé através de choques ou algum outro estimulo enquanto você lê, assiste tv, cozinha ...
Acho que as vezes essa dor traz consigo uma grande parcela de vaidade, um orgulho pra que você possa depois bater no peito e dizer "Eu fiz", "eu lutei e venci", "sou um sobrevivente" seja qual for o desprazer pelo qual você passou.
Já diz o ditado dos marombas, "No pain, no gain" , algo do tipo "sem dor , sem ganhos". Acho que tudo na vida é desse jeito, a dor tem sua dose de prazer...Um pouco de lagrimas aqui pra poder dar valor ao riso de amanhã, tipo amor e ódio, dia e noite, bom e mau... O teatro da vida e seu eterno perde e ganha.


Deixa pra segunda...

sábado, agosto 11, 2012



Bom, como diz o dito “Uma longa jornada começa com um primeiro passo” e esse foi dado.
Resolvi começar a me mexer...  Acho que muita gente já ouviu a expressão “cobra mal matada”, minha vó dizia que é quando a cobra morre e engole o próprio veneno (peçonha), mesmo depois de morta ela continua se mexendo, é tipo espasmos  #pausapraexplicação  (Um espasmo é uma contração involuntária de um músculo, grupo de músculos ou órgão.) pois bem, me sinto assim agora.
Foi tão triste começar a aquecer na esteira e ver que 10 minutos de esteira não eliminam nem um pastel dos dois que eu comi no café da manhã... Bem, é que... Hoje é sábado... Dia de feira.  Não tem desculpa, eu sei. Meta... É isso que eu tenho que ter em mente.
Mas é tão difícil, ao mesmo tempo em que da vontade de ficar um dia inteiro na academia, da um desanimo. Tem que fazer tudo certinho, o corpo vai cansando... Se bem que a meta é essa, fazer o corpo se mexer. Fico repetindo frases de incentivo a toda hora pra mim mesmo.
Força... Segunda-feira tem mais

Perder não, eliminar!

sexta-feira, agosto 10, 2012


Já sem segredos, ou quase, vou começar uma nova fase
É tão difícil , pelo menos pra mim, tomar uma decisão nova, tomar um rumo diferente.
As vezes são coisas que não se encaixam, tipo... Emagrecer, na boa você não decide que vai parar de comer porcaria, faz caminhada, academia pelo simples fato de estar bem. Se você já fez isso , procura ai no fundo, bem no fundo, confessa vai, com certeza foi o ego(O Ego não é completamente consciente segundo Wikipédia  kk)
Já decidi que não vou adiar mais, sinto falta do pique que eu tinha com alguns (30)quilos  a menos, sinto falta de comprar uma roupa e me sentir bem. Poxa , eu tenho roupa que eu compro esperando emagrecer.
Sera que todo mundo é assim?
Qualquer atitude é ousada para quem não costuma mudar.
Me bate um certo medo, uma timidez... mas ta decidido, amanhã eu começo

Vou encarar.

Gosto, mas não assumo

terça-feira, agosto 07, 2012

Bom, nem sei como começar... Voltei a pouco de uma viagem e na ida reparei que acabei montando meu Tumblr a toa pois no meu primeiro post aqui eu dizia o porque montei o Blog. Agora com a campanha  Volta, Mundo Blogueiro!, das minhas amigas de grupo no Facebook resolvi que vou dar ao meu blog todas as funções a qual já havia designado a ele.
Vou começar com  a postagem coletiva que leva o título de "Gosto, mas não assumo"...
Vamos la , respirando fundo... 3,2,1.

* A Primeira coisa que eu gosto, mas não assumo é essas músicas de "modinha":
Não sei se é o fato de todo mundo cantar, tocar em todo lugar, as vezes em todo lugar mesmo. Tipo? bom a primeira que me vem a cabeça é Stereo Love , uma vez entrei no ônibus e uma "abençoada criatura" não tinha fone de ouvido e o talvez o celular dela não tivesse cartão de memória só uma baixa memória que a obrigava ouvir a musica repetidamente durante a viagem, o pior é que duas horas depois , na volta peguei o ônibus de volta e ela entrou de novo. Parece mentira, mas não. Minha sorte foi que uma mulher ameaçou jogar ela do ônibus se ela não desligasse (super fina).  Nessa lista entram Paula Fernandes, Luan Santana, Fiuk , Calypso e bregas em geral... pessoas que, na minha opinião, não nasceram com o dom da voz para ser cantor (a) mas têm a mídia a favor, sorte e cds recheados de musicas chicletes. Quem nunca cantou (cantarolou ou ficou com essa porcaria na cabeça) que atire a primeira pedra.



* Amo musica em geral, não vivo sem, mas Cantar e Dançar (¬¬' tenho até o app Song Pop no celular)
Eu sinto a música entrando e de repente toma conta, canto , pelo menos é o que eu acho!, danço , faço showzinho particular . contatos: (12) 3833-2...   Haha... mentira!  Poupo qualquer pessoa de uma visão dessas, é uma coisinha só , tipo, entre "mim, myself e eu". Agora , cantar... não resisto. Mpb é uma das minhas paixões , quando trabalhei numa farmácia nem percebia, la estava eu cantando Vanessa da Mata perguntando se o cliente gostaria de cpf na nota. No backstage tinha um menino que trabalhava comigo e quando me via subia as escadas cantando "Não me deixe só..."

* Falando em músicas , danças e tal lembrei que Funk, desses bem idiota mesmo sabe?
Eu até gosto mas... nego até a morte. Nossa como me dói dizer. a ultima que me pirou o cabeção foi "Hot-dog" do Buchecha, as batidas são demais, bem dançante, mas a letra... #ai  "Sou hot, sou dog. Segura o hot-dog"... depois dessa declaração talvez vocês nunca mais ouçam falar de mim, bem compreensivel o motivo né?



* Amores Platônicos

É assim que o povo chama, mas não é bem isso. Acho que tenho essa coisa de adolescente , de que amor é como nos filmes e novelas que a gente vê, sempre me apaixono e gosto da sensação ,sabe, de ficar bobo (mais né?), aquela admiração que transcende a coisa da amizade, um pouco de instinto protetor , afinal sou canceriano e irmão mais velho... Acho que amo todo mundo, se não, respeito...
Fala sério! se apaixonar é muito bom, faz a gente se sentir mais vivo, feliz, mexe com a nossa imaginação. Aliás, nunca passaram disso, imaginação, sonhos...  será que de alguma forma isso caracteriza traição? olha a polêmica.


*Acho que a ultima coisa que gosto, mas não assumo é a Solidão.

Não, não é bem solidão, é estar sozinho... Me faz tão bem as vezes poder repensar minhas atitudes, aprender com os erros que eu cometi e assumo primeiro pra mim.  Ficar sozinho me inspira, as vezes até rio como um bobo, canto, lembro do que deixou saudade e com isso vou dando mais atenção as coisas que sei que são efêmeras na vida e pior, que não voltam, como a primeira gravidez da minha irmã onde a gente fazia tudo junto, compramos tudo, acompanhei cada novo instante , a ida a Sta Casa, primeiro passo, primeira palavra, tipo, eu poderia vestir a camisa do "Eu estive lá" , até que ela saiu de casa e foi morar com meu cunhado.Meu primeiro emprego com carteira assinada foi uma conquista, até descobrir que eu estava num ninho de cobras de mente pequena, todo mundo mais interessado em subir mostrando seus defeitos porque acham que assim o próprio trabalho sobressai...
Caramba! isso devia ser prescrito por médicos, é tão legal. Me sinto nú, mas a vontade. Acho que ser blogueiro é isso né?

Bom esse foi Anderson Nascimento direto da Redação.     Sempre quis dizer isso.

Por fim fica a  certeza ....   Não assumo que sou mesmo muito bobo.


"Ideias Coletivas - Volta, Mundo Blogueiro!"

Papel branco e lápis

sábado, junho 09, 2012





To imaginando onde você deve estar agora
As lembranças são tudo o que eu tenho 
A minha sala esta solitaria
Não te ouvi, não recebi mensagens sua
E a duvida não me deixa
Talvez por que seja a hora 
De arrumar as malas
E me arriscar por você
Ver novas cores, provar sabores
Crescer...
Nunca se esta pronto para o amor
Nunca se cresce o bastante para ser feliz
Vou desenhar meu sol, em papel branco e lápis
Vou fechar a janela nessa tarde griz 
Sair mundo afora 
Vou buscar seu beijo
É o que eu sempre quis

Um Clichê

quinta-feira, junho 07, 2012




Água com açúcar... Um clichê  
Faz o gosto parecer diferente
Não tem sabor, mas é doce
Muda pouca coisa, parece coisa de imaginação
Um sonho... Faz parecer bom
Ilusão... faz parecer real
Uma historia que poderia ser a sua
Poderia ser a minha
Quem sabe nossa
Uma verdade teatral
Não quero essa farsa
Sou cético nesse sentido
Pouco muda
Desejo contido
Não vou me julgar
Posso parecer  menos doce
Um príncipe de sonho a procurar
E o que há no conto
Porta afora não vou achar
O mesmo encanto das historias
Um bom motivo pra sorrir
A melhor razão pra não sair
O coração quer o que ele quer
Não me queixo
Não se sabe o fim de uma historia real
Você pode tentar, mas não se tem controle sobre o destino
No sim ou não me confundo
Você inventa a historia e assim seu desfecho
Mas não controla o mundo
Estando entre o bem e o mal
Por um segundo
Tudo volta ao normal








Louco comum

segunda-feira, junho 04, 2012



Tantos rostos diferentes
Pessoas procurando se encontrar
Loucura do "de repente"
Estrelas sem céu nem mar
Louco "Déjà-vu", remédios vão nos curar
Tantos contrastes comuns
Caráter a duvidar 
Tantos níveis em só
Afinal, viemos e voltaremos a pó
Querendo ser diferente
Filhos do descontente
Procurando o que é seu
São rostos desconhecidos
Buscando, querendo abrigo
As vozes que vem do além
Malucos de criação
Fantoches do mundo cão
Querendo viver a vida
Luz no túnel, a saída 












Segredos

sábado, março 03, 2012





Se eu te contasse meus segredos... Eles não mais existiriam
Se forem verdade cabe a você... Os sonhos, os fatos se solidificariam
Não se sabe o que é verdade ou mentira até que se veja, mas devemos crer no que nossos olhos não enxergam e não temer o que podemos conhecer.
Talvez meus segredos sejam mentiras que eu insisto em contar, mas não se esqueça: Eu não minto...
Pode ser isso tão verdadeiro que eu ainda assim não acredite.
Não vou te enganar, sei que não há nada que seja solido em cima de mentiras, castelos de areia, minha casa de palha.
Tenho a força de um frágil ser - humano, talvez minha força seja meu ponto fraco
Não minto, não me escondo nesse teto de vidro ou palha que não suporta o peso da vida real.
Como a quem ama o feio e se acostuma com sua beleza singular.
Afinal sua verdade não é a minha e posso descordar do que crês.Posso me acostumar com seu desastre em arte a sua moda bela , acostuma-se também com a chuva, o vento que passa embaixo de nossas asas, então desejo abrir o peito e dar a cara à tapa, sem vergonha de se mostrar
Não procuro abrigo, apenas me procuro nos segredos, nessas caixas onde esta minha vida, passado de presente caixa
Se hoje eu te perdesse, não me lembraria de muito do que deixei pra trás, algo que ainda carrego, mas esta ali esperando um momento saudosista ou a hora de deixar de ser lembrança. E meus segredos?...
Se existem... deles eu já nem lembro mais...

Comentarios

Total de visualizações de página

Loading...

Seguidores

Agora

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem sou eu

Estou a me procurar sempre, todo dia quando acordo, toda noite enquanto durmo. Como um canceriano sonhador, me procuro em tudo a minha volta. O beijo não dado, o silêncio no canto da sala Por isso me procuro, tentando ser eu mesmo. Sem me importar com julgamentos alheios Homem de humor fleumático Menino que sabe o que quer Sou feito de pele, carne e osso Um amante do que é novo Sobrevivente dos amores platônicos Sou dono do meu nariz Sei que estou aprendendo muita coisa, nada tem acontecido em vão. Sou uma pessoa que precisa ser forte e cada dia mais Preciso de amigos... Minha família é minha base Só não preciso provar nada pra ninguém Continuo crescendo, aprendendo, me fortalecendo... Todos os dias quando acordo...